O comportamento dos consumidores é influenciado por diversos fatores, tais como cultura, classe social, faixa etária, estilo de vida e grupos. Neste post, daremos atenção aos grupos.

Os grupos são estratos sociais que compartilham de características em comum. Alguns grupos de pessoas são capazes de exercer grande influência em outros grupos, antes da popularização da internet os grupo de influenciadores presentes no mainstream ganharam grande vantagem sobre os demais, ou seja, eles eram notoriamente reconhecidos pelo grande público, é o caso das celebridades de tv, atletas profissionais e alguns artistas da música. No mainstream, é comum ver uma celebridade usar sua influencia para dizer o quanto um carro japonês é bom e logo em seguida contar sobre as vantagens de uma salsicha e de um financiamento estudantil privado.

Já na internet, principalmente após a popularização das redes sociais, blogs e vlogs, evidenciaram-se nos formadores de opinião segmentada. Estas pessoas normalmente são reconhecidas na internet por uma parcela específica da sociedade, e está é a grande vantagem. A segmentação reduz o desperdício dos investimentos de mídia (custo para anunciar em um veículo de massa), usa dos recursos de transmídia e deixa a marca mais próximas do seu público.

Lojas de informática que antes vendiam computadores de uso doméstico e compravam horários na tv aberta, agora investem no público gamer, este público é fanático por jogos digitais e precisam de computadores potentes para rodá-los em alta qualidade. E para cativar este público uma loja de informática paulista decidiu patrocinar a seleção brasileira de games, os integrantes desta seleção são vistos pelo público consumidor de computadores de alta performance como ideais para discernir sobre os melhores processadores, placas gráficas e outros componentes essenciais para ter uma experiência de valor elevado durante uma batalha virtual.

Outro exemplo são os canais no Youtube onde donas de casa ensinam como reaproveitar materiais para criar utensílios criativos e funcionais para a vida cotidiana. Em um destes canais algumas marcas se valem do product placement para exibir seus produtos de maneira contextualizada nos vídeos, fomentando a continuidade do canal e se comunicando de maneira eficaz com seus consumidores.

Cada vez mais, marcas de todos os tamanhos tem usado do poder da segmentação propiciado pela internet para investir de maneira inteligente suas verbas de marketing em formadores de opinião mais empáticos e coerentes com os produtos anunciados. Desta forma é possível construir um relacionamento próximo e duradouro com os clientes.